Uma Canção





Havia uma canção que me fazia chorar e eu me perguntava por que eu sempre chorava, como ela tinha essa capacidade? 
Ela tinha uma bela melodia e uma ótima letra a voz não era as das melhores, e existem músicas melhores do que ela. Mas porque ela causava isso em mim? 
Eu sentia uma pontada de dor em meu peito, uma dorzinha que eu poderia suportar mas por alguma razão parecia que ela nunca iria passar, ela tinha o poder de me desligar, ela fechava os meus olhos e fazia um tour em minha vida, apertava meu coração ao ponto de me fazer chorar, talvez de tristeza, raiva, angustia ou alegria, sei lá, era uma vontade de chorar sem lágrimas.
Eu sabia que tinha algo e que faltava algo, mas eu queria descobrir o que tinha por de trás dessa canção, qual era o segredo, será que era só eu que se sentia daquele modo? Esse era o objetivo? 
E ela tocava sempre... e eu? Sempre ouvia, porque aquele borbulho de sentimentos não me deixava vazia. 
Eu estava presente naquela canção, e tinha toda uma interpretação em minha mente.
Eram longos suspiros e querendo entender tudo aquilo. 
E eu finalmente entendi... entendi que não choro pela música.
Choro pelo que ela me lembra...



1 comentários:

  1. Linda a poesia!!! A música ficou perfeita hein!? A imagem também. Ficou tudo muito bom!!! Amei!

    ResponderExcluir

 

Curta